11.2.12

Lenço de Namorados inspira 'Lusofonias' de Carlos Alberto Moniz

‘Lenço dos Namorados’ é o título genérico de um dos dezasseis trabalhos musicais que o compositor e intérprete da música nacional Carlos Alberto Moniz acaba de editar sob o título Lusofonias. A apresentação decorreu esta semana, em Lisboa, com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Vila Verde, Dr. António Vilela, que manifestou o seu «regozijo face à introdução de um tema musical dedicado aos lenços de namorados de Vila Verde no repertório de um dos mais consagrados intérpretes da música portuguesa».

Lusofonias, de Carlos Alberto Moniz, é um disco com apoio Antena 1 e edição Espacial, onde surgem temas diversos ligados à lusofonia. É lançado no mês de Fevereiro, Mês do Romance em Vila Verde, onde o amor acontece.


Vila Verde inspira, de forma mais particular, um desses trabalhos musicais, a faixa 6, de título genérico Lenço dos Namorados. No restante, o cantautor avança com temas musicais sobre o mar, a praia, a negra, o pescador, saudades de Cabo Verde, a liberdade, a mulata, entre outros.

De Angola, passando por Cabo Verde, Brasil e S. Tomé e Príncipe, Portugal, Guiné, Moçambique e Timor Leste, sem esquecer a sua terra natal, Açores, Carlos Alberto Moniz percorre os pontos lusófonos do globo.

«É um trabalho com elevada qualidade musical, com a particularidade de juntar algumas particularidades culturais dos diferentes países da lusofonia», nota o Presidente da Câmara Municipal de Vila Verde, Dr. António Vilela, para quem «é um orgulho para Vila Verde e para os vilaverdenses ver cantada e levada aos quatro cantos do mundo um dos maiores ícones culturais do concelho de Vila Verde e da Região, o tradicional lenço dos namorados».



Lenço dos Namorados


A faixa 6 do trabalho Lusofonias, sob o título genérico Lenço dos Namorados, foi escrita e musicada por Carlos Alberto Moniz, com base nas quadras populares inscritas nos lenços. Conta com participações musicais de André Sarbib (Piano), José Lima (baixo), João Cunha (bateria) e coros de Vera Ferreira e Tiago Diogo.

Foi gravado por João Pedro Ferraz, nos Estúdios Quinta da Música, e misturado por Donnovan Bettencourt, nos Estúdios Dito e Feito. A masterização foi realizada por Rosário Sena, da Media Taylors.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Namorar Portugal, Vila Verde